Saturday, July 04, 2015

Caminhando no Planeta C

Até Hoje

8 de Agosto de 2012


Hoje gravei um programa de TV chamado Unsung

Hoje gravei um programa de TV chamado Unsung. É uma série excepcional sobre música e já vi vários episódios no YouTube. Durante um dos intervalos da gravação, fui ver o meu e-mail e tinha lá uma mensagem que fez o meu coração bater de alegria. Era da Luci Martin, que cantou com a CHIC Organization na sua segunda incarnação (desde C'est CHIC até Believer). Falou do quanto costumávamos rir, do verdadeiro amor que há entre nós e de como esse amor nunca desaparecerá. Ela não precisava de o dizer, porque sempre o soube, mas foi bom lê-lo. Tenho um amor profundo e eterno por ela e por todos os elementos dos CHIC.

Minha querida Lulu, o teu e-mail chegou na hora H. Animou-me mais que um expresso duplo macchiato da Starbucks. Corri até à minha cave onde se encontrava a equipa de gravação e terminei a entrevista de 4 horas, sobre a história do disco, com clareza, prazer e um grande sorriso no rosto.

Estou grato por ter uma vida que me deu a oportunidade de trabalhar com algumas pessoas extraordinariamente talentosas mesmo Até Hoje.

 


A formação inicial integral da CHIC Organization num jantar em San Remo. Karen Milne (violinista) à frente do lado esquerdo e Luci Martin com a garrafa de vinho


Capa do álbum C'est CHIC


Capa do álbum Believer dos CHIC


As duas câmaras que gravaram as 4 horas do meu longo discurso sobre o disco para o programa Unsung


Estou grato por ter uma vida que me deu a oportunidade de trabalhar com algumas pessoas extraordinariamente talentosas mesmo Até Hoje

 


Add a comment Add a comment

Read more...

Category: Caminhando no Planeta C

Aquele Que Seria o Próximo Álbum do Bowie

6 de Agosto de 2012


Uma t-shirt que um fã me deu na Irlanda depois de um dos nossos concertos

Depois de terminar o último concerto, tive uma hora para fazer a mala. Tive, depois, que viajar a noite inteira e todo o dia antes de, finalmente, chegar a casa e à minha própria cama. O concerto tinha sido em Liss Ard, Cork County, Irlanda. Isto fica próximo da cidade de Skibbereen e não foi exactamente fácil lá chegar nem de lá sair.

Quando cheguei, finalmente, a casa, fui ver o meu e-mail. A primeira mensagem era um vídeo que alguém tinha gravado durante uma sessão de autógrafos ao meu livro em Belfast, na Irlanda, há alguns dias.

O vídeo começa a meio da minha resposta à questão sobre como tinha sido trabalhar com o Stevie Ray Vaughan e continuou com a história da canção "Let's Dance" do David Bowie. Foi a primeira canção que o Stevie Ray ouviu d'Aquele Que Seria o Próximo Álbum do Bowie.

 


Nile Rodgers em Belfast falando sobre David Bowie e Let's Dance

 

 


Fãs Irlandeses esperando por autógrafos


Na rua com fãs na cidade de Skibbereen


Pessoas no nosso último concerto em Liss Ard


Parte do público em Liss Ard


Depois do último concerto, tive uma hora para fazer a mala

 


Add a comment Add a comment

Read more...

Category: Caminhando no Planeta C

Cork > Manchester > NYC

5 de Agosto de 2012


Aer Lingus FL #3720 - de Cork para Manchester


American Airlines FL #211 - de Manchester para Nova Iorque

Obrigado por mais uma semana maravilhosa! E agora, para casa. Cork > Manchester > NYC.

 

 


Add a comment Add a comment

Read more...

Category: Caminhando no Planeta C

De Malaga, Espanha, Para Cork, Irlanda

4 de Agosto de 2012


Aer Lingus FL #883 - de Malaga para Cork

A última paragem esta semana é em Cork na Irlanda, para o Liss Ard Festival. Precurso - De Malaga, Espanha, Para Cork, Irlanda

 

 


Add a comment Add a comment

Read more...

Category: Caminhando no Planeta C

Vamos FREAKOUT!

30 de Julho de 2012


Até agora, só dei concertos na República da Irlanda

Até agora, só dei concertos na República da Irlanda: Galway, Cork, Dublin, e o nosso primeiro concerto no Electric Picnic. Foram todos sensacionais. Mal posso esperar por regressar para ir tocar na Button Factory em Dublin, mas também para ir tocar pela primeira vez à Irlanda do Norte. Temos um grupo grande de gente de Belfast que aparece nos concertos dos CHIC em Inglaterra. Dei uma palestra em Belfast para a Music Week que deu início aos MTV Awards, mas para mim, não há nada que se compare à conexão que se cria com as pessoas ao interpretar canções.

A nossa lista de canções irá certamente incluir, não só música da minha banda CHIC, mas também alguns temas que escrevi e produzi para outros, em cujas versões originais os CHIC tocaram: David Bowie, Sister Sledge, INXS, Madonna, Diana Ross, Sheila and B Devotion (He's a "Spacer"), e talvez mais alguns, dependendo da reacção do público.

Tenho a sensação que Belfast irá ser tão impressionante quanto os concertos na República. O poder da música ultrapassa a economia e a política. Quando era mais jovem, poupava o meu dinheiro para poder ouvir a música que mexia comigo, porque a experiência enriquecia o meu espírito. O único propósito da nossa música é mexer com os vossos corações e fazer mexer os vossos pés e ancas.

Quando chegarmos à maior ilha da Europa, Vamos FREAKOUT!

 


O CONCERTO DE GALWAY FOI PRATICAMENTE PERFEITO!


Don Harris e Bill Holloman em perfeita sincronia em Galway


Convidamos sempre o público para subir ao palco no final


Fãs Irlandeses com o groove ligado


Recebendo um beijo no meio de uma confusão total. O público Irlandês foi FANTÁSTICO! Tocámos canções que nunca tínhamos tocado antes


Nos bastidores com três irmãs Irlandesas. Adoro o cabelo escuro e os olhos azuis


Jerry Barnes arrasando "We Are Family" - Kim, Nile, & Folami ao fundo


Vamos à Irlanda para FREAKOUT!

 


Add a comment Add a comment

Read more...

Category: Caminhando no Planeta C

De Regresso à Europa!

26 de Julho de 2012


American Airlines FL #210 - JFK > MAN

Próxima paragem: Yorkshire, GB (via Manchester) para o Magic Loungeabout! Depois seguem-se Camp Bestival, Belfast, Dublin e mais. Estamos De Regresso à Europa!

 

 


Add a comment Add a comment

Read more...

Category: Caminhando no Planeta C

O Dia da Minha Morte

24 de Julho de 2012


Smilow Cancer Hospital em Yale New Haven

Algumas horas depois da publicação deste blogue, irei a mais um especialista oncológico - um que também é neurologista, porque é evidente que tenho alguma lesão nervosa. Quando falei sobre o meu primeiro incidente relacionado com o cancro/câncer, foi durante um concerto com os Earth, Wind, and Fire, onde perdi a força muscular na minha mão direita. Melhorei mas nunca recuperei totalmente - por outro lado, há anos que sofria de neuropatia parcial no calcanhar esquerdo, mas depois de fazer a terapia para recuperação da cirurgia oncológica, está curado.

O corpo humano é espantoso, maravilhoso e complicado. Amanhã, tenho um concerto em Nova Iorque no Lincoln Center, e a seguir, voo imediatamente de regresso à Irlanda para mais uma série de concertos, depois volto à Inglaterra e, a seguir, dou um concerto no Mónaco, tudo em apenas algumas semanas.

Não me queixo. Tenho o melhor emprego do mundo. Posso tocar e passar tempo com algumas das pessoas mais fantásticas à face da terra. Olhem para as caras felizes nas fotografias. Acreditem nisto: por muito felizes que os fãs estejam - eu estou duas vezes mais feliz por lá estar a tocar a música de que tanto gosto.

E dou a minha palavra que irei dar funk ao máximo até ao Dia da Minha Morte.

 


Os CHIC vão dar um concerto em Nova Iorque no Lincoln Center das Artes Representativas


Voo de regresso à Irlanda para mais uma série de concertos


Caras felizes


Mais caras felizes


Gente feliz em França


Uma mulher feliz em Juan-les-Pins


Irmãs felizes


Acreditem nisto: por muito felizes que os fãs estejam - eu estou duas vezes mais feliz por lá estar a tocar a música de que tanto gosto

 


Add a comment Add a comment

Read more...

Category: Caminhando no Planeta C

Nice > Paris > NYC

22 de Julho de 2012


Delta Airlines FL #8396 - Nice > Paris


Delta Airlines FL #185 - Paris > NYC

Hoje, irei voltar a dar o salto por cima do Atlântico para um concerto em Nova Iorque e, depois, lá regressamos novamente à Europa! Os meus voos de hoje são Nice > Paris > NYC.

 

 


Add a comment Add a comment

Read more...

Category: Caminhando no Planeta C

A Morte Tem Os Seus Próprios Planos

20 de Julho de 2012


Chegada ao Festival de Jazz de Montreux para pôr os toques finais em Freakout! Montreux

Freakout! Montreux foi um concerto que organizei para o Festival de Jazz de Montreux 2012. Começou na noite de 13 de Julho e acabou já pela madrugada de 14 de Julho. Teve a participação de um grupo de artistas de talento multi-facetado que esticaram os limites do status quo musical.

Durante os próximos dias, irei publicar alguns vídeos não editados, para vos dar uma ideia daquilo que foi um dos melhores dias da minha vida. Levou meses a programar, mas o ambiente foi tão fantástico, que já estou a trabalhar na versão do próximo ano.

Muitos de vocês poderão não saber que, há cerca de 20 meses, fui atacado por um tipo de cancro/câncer muito agressivo, e essa tem sido a maior luta da minha vida. Contudo, continuarei a programar os próximos concertos - porque A Morte Tem Os Seus Próprios Planos.

 


O Mark Ronson disse que seria um sonho para ele ter a Alison Moyet, Johnny Marr e CHIC a interpretar o arranjo dele de "Stop Me" - disse que eu e o Johnny somos os guitarristas favoritos dele - aqui está um pequeno trecho

 


Depois de meses de programação, comecei a perceber que a minha visão se iria tornar realidade


O programa de Freakout! Montreux incluiu lendas como Dimitri from Paris & Ultra Naté


A equipa trabalhou como uma máquina bem oleada - a Ultra Naté arrasou e eu estava no sétimo céu


A-Team: Sooze, Claude, & Tess


Todos os detalhes foram programados


Até desenhamos na fruta


Verificando pormenores de última hora com a Scarlett Etienne que tocou teclas, cantou e actuou como DJ na abertura


A única Martha Wash fazendo uma verificação do som


Eu e a lenda francesa do disco Marc Cerrone rindo nos testes de som


Elly Jackson dos La Roux em "In For The Kill"


Eu e os Tavares ensaiando o tema de abertura


Felix da Housecat garante-me que está tudo sob controlo


E a Grace e o filho Paulo arrasaram!


Todos TRABALHARAM NO DURO para que esta noite fosse perfeita

 


Add a comment Add a comment

Read more...

Category: Caminhando no Planeta C

Nunca Morrem, Multiplicam-se

18 de Julho de 2012


Muitas coisas causaram grandes mudanças na minha vida - ver o Bryan Ferry e os Roxy Music nos anos 70 foi uma dessas coisas

Muitas coisas causaram grandes mudanças na minha vida e, durante as próximas semanas, uma delas sobressairá: Freakout! Montreux. Foi um concerto multi-facetado que organizei para o Festival de Jazz de Montreux 2012. Quando era jovem, comecei a tocar guitarra com a facilidade que um peixe nada na água. Não peguei nesse instrumento até aos 16 anos - mas quando cheguei aos 19, já trabalhava como guitarrista de jazz contratado, em digressão com o programa de TV Rua Sésamo/Vila Sésamo.

Mais ou menos aos 23 anos, eu e a minha namorada na altura, entrámos numa discoteca onde ouvi a mesma música tocada repetidamente pela primeira vez na vida. Era o início da revolução disco e da minha evolução pessoal. Em poucos meses, tinha evoluído para compositor, arranjador e produtor de êxitos de dança baseados em batidas funky. Em menos de uma década, fui homenageado como o Produtor nº 1 de Singles na Billboard Magazine.

Este ano, o director do Festival de Jazz de Montreux, Claude Nobs, quis homenagear-me, mas eu queria homenagear a música que mudou a minha vida. A característica basilar de tudo é a evolução. À medida que absorvia mais informação técnica, a minha vocação musical tornava-se mais evidente e acentuada.

Quando entrei na cena da musica de dança, era um espaço aberto a toda a gente. Para mim, era como a mais elevada forma de comunicação entre seres humanos. Todos falávamos a mesma língua e tínhamos a mesma filosofia: se comovia a alma das pessoas ao ponto de as fazer levantar e dançar - estava a funcionar! Não precisávamos de críticos ou peritos para nos explicarem nada. As pessoas são os peritos!

À medida que a música de dança evolui, os géneros/gêneros são tão variados como organismos mono-celulares - mas Nunca Morrem, Multiplicam-se.

 


Um vídeo em baixa resolução da Taylor Dayne cantando "Tell It To My Heart" no Freakout! Montreux, diva de freestyle AKA Latin hip-hop e electro: uma forma de música de dança que surgiu em Nova Iorque, Miami e Nova Jérsia no início dos anos 80.

 


Teste sonoro no Freakout! Montreux


Foi um concerto multi-facetado que organizei para o Festival de Jazz de Montreux 2012


Galardão da Billboard Magazine


Claude Nobs, o director do Festival de Jazz de Montreux, quis homenagear-me este ano


Vejo a música de dança como a mais elevada forma de comunicação entre seres humanos


As pessoas são os peritos!


Apenas nos multiplicamos - Alison Moyet, eu, Johnny Marr e Mark Ronson


Apenas nos multiplicamos - CHIC e Elly Jackson dos La Roux


Apenas nos multiplicamos - Tavares


Apenas nos multiplicamos - Claude Nobs e a DJ Scarlett Etienne


Apenas nos multiplicamos - Selan dos CHIC com a voz que lançou milhares de êxitos, Martha Wash


Apenas nos multiplicamos - Eu, Mark Ronson, Claude Nobs e Quincy Jones


Apenas nos multiplicamos - Grace Jones


Apenas nos multiplicamos - Quincy Jones, campeã mundial feminina de beatboxing, Butterscotch e Ultra Naté


Apenas nos multiplicamos - Dimitri from Paris (com o casaco vermelho), Marc Cerrone (com o cabelo branco), Claude Nobs, & Taylor Dayne abanando o esqueleto


Apenas nos multiplicamos - eu com o extraordinário DJ Felix da Housecat


Apenas nos multiplicamos - Eu e o Patrick Juvet

 


Add a comment Add a comment

Read more...

Category: Caminhando no Planeta C

Page 9 of 35

Instagram

Blog Search